Dieta low-carbs à base de proteína, provoca crescimento muscular mesmo sem treino

Dieta low-carbs à base de proteína, provoca crescimento muscular mesmo sem treinoSe passar de uma dieta típica ocidental para uma dieta dieta baixa em carbohidratos à base de proteína, os seus músculos irão crescer.

Cientistas da Universidade de Michigan descobriram isso quando fizeram uma experiência com 8 jovens do sexo masculino e feminino. De forma interessante, os voluntários não realizaram treino de musculação.

Segundo a teoria corrente e mais popular, a insulina é uma hormona anabólica importante. Porque os seus níveis de insulina aumentam se ingerir carbohidratos – os níveis de insulina reagem menos à glucose administrada por forma intravenosa – até há pouco tempo, os cientistas acreditavam que uma dieta dieta baixa em carbohidratos reduzia a massa muscular. No entanto a evidência empírica e os estudos de antropologistas e arqueologistas indicavam exactamente o contrário.

Foi por esse motivo que os investigadores decidiram realizar uma experiência em que participaram 4 homens e 4 mulheres com a idade média de 29 anos, em que passaram de uma dieta típica ocidental para uma dieta dieta baixa em carbohidratos, rica em proteína durante uma semana.

A dieta dos voluntários antes do começo da experiência consistia em 60% de hidratos de carbono, 30% de gordura e 10% de proteína. Os investigadores substituíram isto por uma dieta com 35% de proteína, 60% de gordura e apenas 5% de hidratos de carbono.

A figura abaixo mostra que a dieta provocou uma descida drástica do nível de insulina dos voluntários, Irá notar o quanto a insulina subiu a pique após as 3 refeições principais na dieta anterior, e que na dieta dieta baixa em carbohidratos, os picos praticamente desapareceram.

Tabela 1

A produção de hormona de crescimento diminuiu, mas o declínio não foi estatisticamente significativo. O mesmo aconteceu em relação á concentração de IGF-1 no sangue. A maioria do IGF-1 encontrado no sangue é proveniente do fígado derivado do metabolismo da hormona de crescimento.

Tabela 2

Seria de esperar um declínio da massa muscular, mas isso não aconteceu. Os investigadores extraíram células do vasto lateral da perna e registaram o crescimento do tecido muscular. Na verdade, ocorreu um aumento da quantidade de massa muscular nos voluntários após passarem para a dieta dieta baixa em carbohidratos.

Tabela 3

A dieta dieta baixa em carbohidratos à base de proteína aumentou a actividade das moléculas sinalizadoras anabólicas nas células musculares. O efeito mais evidente, foi que as células musculares começaram a produzir mais IGF-1. Este é um IGF-1 diferente daquele que se encontra no sangue.

Tabela 4

OK, mas a insulina é uma hormona anabólica. Mas o aumento da actividade dos mecanismos anabólicos nas células musculares em resultado da dieta baixa em carbohidratos à base de proteína, supera o desaparecimento da insulina.

Os investigadores concluíram que:

Aumentar a quantidade de proteína durante uma dieta de restrição de hidratos de carbono, pode ser importante para prevenir ou atenuar a perda de proteína corporal.

Referência!

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *